Logo oficial do site versão móvel

Melancia

A melancia é um alimento muito comúm, além disso, melhora a potência sexual masculina de maneira considerável, secondo estúdos efetuados na Italia e nos Estados Unidos.

A melancia incrementa a libido e facilita as ereções

A melancia da Índia é um fruto simples, leve, que comemos no verão para refrescar-nos e restabelecer rapidamente os eletrólitos perdidos por causa da transpiração. É entre os frutos menos pesados em termos energéticos, já que uma fatia contém, aproximadamente, 71 calorias e uma melancia inteira esta composta por 92% de água. Contudo, possui fontes de nutrientes, como a vitamina C, o potássio, o betacaroteno e o licopeno, sem contar a citrulina; quer dizer, o elemento mais importante do ponto de vista afrodisíaco.

Não obstante, o que nem todos sabem é, precisamente, seu efeito afrodisíaco testado, segundo dois estudos efetuados pelas universidades da Flórida, nos Estados Unidos e a da Foggia, na Itália. Tal como mencionamos, a melancia contém a citrulina, uma substância que o organismo transforma em óxido nítrico (ver na página acerca do suplemento L-Arginina). A Arginina é uma substância que tem uma grande importância nas funções sexuais e provoca o aumento da circulação sanguínea no pênis durante a ereção.

Por isso, consumir melancia é uma forma natural de produzir maiores quantidades de oxido nítrico no corpo, ainda mais natural do que tomar L-Arginina como suplemento, já que os componentes naturais da melancia têm sua própria maneira de favorecer as justas condições para melhorar as funções sexuais. Você não acha? Não se deve conformar com nossa opinião, faça uma procura em internet para verificar isso.

Os efeitos da melancia na sexualidade têm sido comparados com os da Viagra. Contudo, o alimento não tem nenhuma relação com o citrato de sildenafila (princípio ativo do comprimido azul, quer dizer da Viagra), já que para obter efeitos parecidos seria preciso comer pelo menos dez melancias.

Mais uma vez se expõem as diferenças entre um medicamento e um alimento natural. O primeiro age de maneira mais poderosa, mas também mais circunscrita a uma ocasião determinada, enquanto o segundo é menos forte, porém mais estável no tempo e mais natural.

As pessoas têm o costume de consumir a melancia só ocasionalmente e consumi-la uma vez não produz quase nenhum efeito no rendimento sexual, contrariamente da Viagra, com a qual é suficiente tomar só uma. Para que a melancia produza um efeito apreciável é preciso consumi-la regularmente, praticamente todos os dias, pelo menos uma vez no dia e ao menos 1/3 ou 1/4 da metade de uma melancia grossa (segundo as dimensões desta). Somente após um consumo regular podem ser apreciados os benefícios, do ponto de vista sexual. Dito de outra maneira, os efeitos benéficos da melancias são cumulativos.

Ainda, esta vantagem da melancia não secundária e contrariamente à Viagra age também sobre a libido, não se limita a melhorar as ereções, aumenta também o desejo, por causa da forma em que esta é assimilada pelo organismo. A melancia não é indicada para tratar transtornos eréteis específicos, os quais requereriam de uma abordagem mais farmacêutica, mas não deixa de ser fantástica para promover uma boa forma sexual.

Evidentemente, os efeitos afrodisíacos da melancia não são definitivos. Caso deixássemos de consumi-la, perderíamos, em poucos dias, os ganhos conseguidos no rendimento sexual, mais não é difícil voltar a ter-os. O uso da melancia não causa tolerância como o faz o citrato de sildenafil.



[Fechar]

Este site é reativo. Que quer dizer? Tente redimensionar a janela e verá. A disposição da página e sua arquitetura mudarão segundo as dimensões da vista. Em outros termos, tanto faz se você está utilizando um computador de grande tela, um iPhone ou até um Nokia N70. ¡Este site se verá bem sem importar o tamanho da tela!

Hoje em dia um número sempre maior de usuários navega em internet utilizando dispositivos móveis. Não só os sites têm que adaptar-se a qualquer tela, mas têm também que ser ligeiros, dado que o uso de alguns dispositivos comporta conexões lentas ou de pagamento segundo o tráfico enviado e recebido. ¡Tudo o que era velho é novo outra vez! ¡Adeus os sites Flash (que nem se podem ver nos Mac ou nos iPhones) e layout com imagens!

Por tanto, tem sido imprescindível sacrificar a comodidade dos usuários mais conservadores às novas exigências de hoje (basta pensar nos que ainda utilizam velhas versões de Internet Explorer e que são cada dia menos). Tem nascido o conceito de tecnologia líquida. Este site não é como muitos outros que têm uma versão PC e uma versão móvel. Este site só tem uma versão, mas se adapta a qualquer equipamento.

Estamos orgulhosos de anunciar que já o nosso site também tem sido um dos primeiros em ficar prontos para a web 3.0 e vai à linha com o porvir, sendo universalmente compatível. Esperemos que o público goste dele também.


[Fechar]